segunda-feira, 31 de dezembro de 2018

Rafael Barbosa de volta à II Liga para dar Paços em frente na carreira

Rafael Barbosa chegou à Capital do Móvel no mercado de inverno
Após uma temporada em que brilhou ao serviço do Sporting B, apesar da despromoção ao Campeonato de Portugal, Rafael Barbosa estreou-se na I Liga ao serviço do Portimonense, tendo participado em quatro jogos pela equipa principal antes de terminar abruptamente a passagem pelo Algarve.

As várias versões contradizem-se, mas todas admitem, no mínimo, uma altercação entre o jogador e Rodiney Sampaio, presidente da SAD do emblema de Portimão, no final de um jogo da Liga Revelação com o Benfica, a 29 de setembro. O futebolista regressou prontamente ao Sporting, clube que o tinha emprestado, mas até ao final de dezembro que se limitou apenas a treinar com a formação sub-23. Ou seja, já são mais de três meses sem competir em qualquer partida e quase quatro – desde 2 de setembro – sem participar num desafio de uma liga profissional.

domingo, 30 de dezembro de 2018

Um olhar sobre os primeiros reforços do Corinthians para 2019

Richard, Ramiro e Sornoza são os reforços mais sonantes do timão
Depois de um desapontante 13.º lugar no Brasileirão em 2018, que quase nem dava direito a participar nas competições internacionais, o Corinthians tem sido um dos clubes mais ativos no mercado de transferências em terras de Vera Cruz. A principal contratação terá sido mesmo o treinador Fábio Carille, um homem da casa que regressa ao Itaquerão depois de meio ano nos sauditas do Al Wehda.

sábado, 29 de dezembro de 2018

Ricardo Pereira deu um salto no futebol inglês

Ricardo Pereira está na primeira época ao serviço do Leicester
Se dúvidas houvessem acerca do seu valor, estão a ser dissipadas esta época ao serviço do Leicester City. Tal como Cédric Soares quando há três anos e meio trocou o Sporting pelo Southampton, também Ricardo Pereira cresceu muito em poucos meses enquanto lateral direito no futebol inglês.

Se o ex-FC Porto já tinha evidenciado qualidade para fazer a posição no Nice – onde foi orientado pela primeira vez por Claude Puel, seu atual treinador - e no Dragão, juntando capacidade ofensiva a asserto posicional, em Inglaterra ganhou intensidade, agressividade, rapidez de pensamento e mais experiência a fazer a posição numa equipa que oferece um contexto em que nem sempre pode fazer vaivéns de área a área.

sexta-feira, 28 de dezembro de 2018

Um Estoril assimétrico e com ideias próprias

Luís Freire deixou o Mafra para assumir o comando do Estoril
Na supercompetitiva e caótica II Liga, onde quem normalmente leva a melhor não é quem tem mais qualidade, mas sim quem erra menos, ainda há espaço para um futebol mais elaborado e esteticamente mais aprazível associado a resultados desportivos. É o caso do Estoril de Luís Freire, um clube e um treinador que vinham de realidades distintas, mas que estão a funcionar bem em conjunto à beira do final da primeira volta, com os canarinhos a praticarem bom futebol e a estarem envolvidos na luta a três pela subida ao primeiro escalão, juntamente com Famalicão e Paços de Ferreira.

quinta-feira, 27 de dezembro de 2018

WWE | Os 10 melhores combates de 2018

Gargano e Ciampa roubaram o espetáculo em 2018
Concluído 2018 no que a PPV’s da WWE diz respeito, apresentamos a nossa seleção das dez melhores contendas do ano que está prestes a terminar, contabilizando apenas aquelas que ocorreram em eventos especiais.

Se no ano passado AJ Styles e Roman Reigns terminaram empatados como lutadores com mais aparições neste Top 10 (com três citações), agora volta a surgir uma igualdade, mas desta feita entre Johnny Gargano e Tommaso Ciampa (quatro citações), curiosamente dois elementos do NXT, a suposta brand de desenvolvimento da WWE. Os nomes de Becky Lynch, Charlotte Flair e Velveteen Dream também aparecem mais do que uma vez.

quarta-feira, 26 de dezembro de 2018

Três jogadores do Athletico Paranaense para a Europa ter em conta

Bruno Guimarães e Renan Lodi revelaram-se em 2018
Recém-coroado vencedor da Copa Sul-Americana, o agora denominado Club Athletico Paranaense aliou a conquista do seu primeiro título internacional a uma vitória do próprio projeto desportivo, apresentando uma equipa recheada de jovens, muitos deles da formação do clube. Sob o comando técnico de Tiago Nunes, contrato em abril de 2017 para assumir a equipa de sub-23, mas que em junho de 2018 acabou por render Fernando Diniz à frente do time principal, a aposta na juventude foi uma imagem de marca.

Se o médio criativo Raphael Veiga, que estava emprestado pelo Palmeiras, garantiu o bilhete de regresso ao verdão, e se o ponta de lança Pablo se transferiu para o São Paulo por seis milhões de euros, outros valores apareceram e já conseguiram captar a atenção de clubes europeus. Saiba quem são.

segunda-feira, 24 de dezembro de 2018

Fome do Benfica deu em fartura frente a Sp. Braga irreconhecível

Pizzi deu o mote para a goleada com um golo aos 19 minutos
Costuma dizer-se que não há fome que não dê em fartura e o Benfica que o diga. Depois de quatro vitórias pela margem mínima e exibições pálidas frente a V. Setúbal, AEK, Marítimo e Montalegre, as águias deixaram-se embalar pelo apetite da quadra natalícia e encheram a barriga de golos (6-2) frente a um Sp. Braga que apareceu na Luz com sinais de indisposição, completamente irreconhecível.

domingo, 23 de dezembro de 2018

ROH | Os 10 melhores combates de 2018

The Briscoes e The Young Bucks voltaram a dar espetáculo
Concluído 2018 no que a iPPV’s da ROH diz respeito, apresentamos a nossa seleção das dez melhores contendas do ano que está prestes a terminar, contabilizando apenas aquelas que ocorreram em eventos especiais. Tal como no ano passado, os Young Bucks (Matt e Nick Jackson) foram os que deram mais espetáculo, aparecendo por quatro vezes na lista, seguidos dos So Cal Uncensored (Scorpio Sky, Christopher Daniels e Frankie Kazarian), com três citações. Com duas aparições neste surgem os The Briscoes (Jay Briscoe e Mark Briscoe), Marty Scurll e Cody.


sábado, 22 de dezembro de 2018

As minhas primeiras memórias de… jogos entre Sporting e V. Guimarães

Acosta brilhou nos duelos de Guimarães e Alvalade
As minhas primeiras memórias de jogos entre Sporting e Vitória de Guimarães remontam à temporada 2000/01, para a qual os leões partiram na pele de campeões nacionais mas encerraram em terceiro lugar e na qual os vimaranenses não foram além da 15.ª posição, apenas uma acima da zona de despromoção.

Os dois confrontos entre os dois clubes nessa época ficaram marcados por hat-tricks de Beto Acosta, então veterano avançado argentino de 34 anos que no que a campeonato diz respeito marcou quase tantos golos aos minhotos (seis) como às outras 16 equipas (oito).

sexta-feira, 21 de dezembro de 2018

A minha primeira memória de… um jogo entre Benfica e Sp. Braga

Tiago, Dani, Barroso e Poborsky no duelo de outubro de 2000
Ainda o Sp. Braga não era o Sp. Braga que é hoje na única época em que ficou à frente do Benfica no campeonato, em 2000/01, quando fechou a I Liga no quarto lugar e as águias em sexto, a pior classificação de sempre dos encarnados. E foi precisamente o primeiro duelo entre ambas as equipas nessa temporada, no antigo Estádio da Luz a 2 de outubro de 2000, o primeiro encontro de que tenho memória entre benfiquistas e bracarenses.

Numa fase em que o campeonato estava apenas na 6.ª jornada, ainda se estava longe de se imaginar que os encarnados, então orientados por José Mourinho, terminassem em posição tão baixa, apesar do mau arranque. Já a formação orientada por Manuel Cajuda, por alguns considerado o pai do Sp. Braga atual, tinha entrado nessa ronda como líder isolado.

quinta-feira, 20 de dezembro de 2018

ROH | Final Battle 2018

The Briscoes vencem Ladder War e sagram-se campeões pela 10.ª vez; Lethal retém o título diante de Cody e terá Marty Scurll como futuro adversário



Data: 14 de dezembro de 2018
Arena: Hammerstein Ballroom
Localidade: Nova Iorque, Nova Iorque


quarta-feira, 19 de dezembro de 2018

WWE | TLC: Tables, Ladders & Chairs 2018

Ronda Rousey ajuda Asuka a conquistar o título feminino do Smackdown; Dean Ambrose novo campeão intercontinental; Braun Strowman garante o direito de enfrentar Brock Lesnar pelo WWE Universal Championship



Data: 16 de dezembro de 2018
Arena: Target Center
Localidade: Minneapolis, Minnesota


terça-feira, 18 de dezembro de 2018

As minhas primeiras memórias de… José Mourinho

Mourinho e Maniche nos tempos de ambos no Benfica
2000 foi o ano em que me tornei adepto de futebol e também o ano que marcou o arranque da carreira de treinador principal de José Mourinho, que até então apenas tinha assumido as funções de adjunto na alta-roda do futebol.

Praticamente um autêntico desconhecido do grande público, chegou ao Benfica como escolha de Vale e Azevedo para substituir Jupp Heynckes praticamente um mês depois do início da temporada 2000/01, e não se pode dizer que tenha tido um começo propriamente auspicioso. À derrota no Bessa (0-1) na estreia oficial, seguiu-se um empate no antigo Estádio da Luz diante da modesta equipa sueca Halmstads (2-2), que ditou a eliminação da então Taça UEFA.

sábado, 15 de dezembro de 2018

Ryan Gauld em Faro a ganhar balanço

Ryan Gauld está em Portugal desde 2014
Ao cabo de mais de quatro anos em Portugal, Ryan Gauld já é visto por muitos como uma promessa adiada, que tarda em singrar apesar dos diversos contextos em que esteve inserido. Para reforçar essa tese, o empréstimo desta época ao Farense, da II Liga, soa a despromoção. Afinal, o médio escocês já teve períodos em que apareceu a espaços (e sem propriamente desiludir) na equipa principal do Sporting e duas cedências a equipas de I Liga, o Vitória de Setúbal (2016/17) e o Desportivo das Aves (2017/18). Olhando para os seus números e para o seu currículo, é o que se conclui.

No entanto, o outrora apelidado de Baby Messi ou de Scottish Messi completa apenas 23 anos a 16 de dezembro de 2018 e, agora que volta a ter alguma sequência de jogos e muitos minutos de competição, torna a exibir uma qualidade que não cabe no contexto qualitativo do segundo escalão do futebol nacional.

sexta-feira, 7 de dezembro de 2018

Lucho ainda mexe à beira dos 38 anos

Ex-portista Lucho González é capitão do Atlético Paranaense

Provavelmente muitos já julgavam que estivesse retirado, mas a verdade é que Lucho González não só ainda joga futebol, como o faz a um nível bastante aceitável e poderá estar a 90 minutos de erguer uma competição internacional, no caso a Copa Sul-Americana, ao serviço do Atlético Paranaense, equipa da qual é capitão.

É verdade que é notório que os reflexos já não são os mesmos de antigamente e que tem dificuldades em manter-se fisicamente disponível durante os 90 minutos – é raro o jogo em que os cumpre -, mas o médio argentino mantém, a pouco mais de um mês de completar 38 anos, muitos dos atributos que fizeram dele internacional pelo seu país por 45 vezes e campeão português por seis.

quinta-feira, 6 de dezembro de 2018

A minha primeira memória de… um dérbi entre Barreirense e Fabril

Dérbi de dezembro de 2007 foi o primeiro em mais de 24 anos
Natural (embora não nascido…) e criado no Barreiro – onde, aliás, ainda resido -, desde a viragem do milénio que boa parte das minhas tardes de domingo foram passadas no Estádio Alfredo da Silva, casa do Grupo Desportivo Fabril, antes conhecido como CUF e Quimigal. E em alguns casos, quando os fabrilistas jogavam fora, ia ao D. Manuel de Mello e mais tarde à Verderena assistir aos encontros do Barreirense.

Vivenciei vitórias suadas, goleadas, derrotas inesperadas, empates comprometedores e até subidas e descidas de divisão dos dois históricos clubes da minha cidade. Habituei-me a ver o Fabril a deambular entre a antiga III Divisão e a I Distrital da AF Setúbal e o Barreirense como uma das principais equipas da então II Divisão B – Zona Sul.

quarta-feira, 5 de dezembro de 2018

Vai ser bastante divertido ver o Sporting jogar

Holandês Marcel Keizer continua invicto de leão ao peito

Ao cabo de três jogos como treinador do Sporting, Marcel Keizer soma outras tantas vitórias, uma em cada competição, 13 golos marcados e três sofridos. Do ponto de vista estatístico e resultadista, é um começo fantástico. Mas a julgar pela amostra de modelo de jogo e capacidade para a operacionalizar, é brilhante. Só o tempo dirá se os leões ficarão ou não mais perto de serem campeões com o holandês ao leme, mas arrisco desde já adiantar uma certeza: vai ser bastante divertido ver o Sporting jogar.

terça-feira, 4 de dezembro de 2018

Conceição já foi expulso dez vezes. "O controlo emocional trabalha-se", diz psicólogo

Sérgio Conceição soma duas mãos cheias de expulsões
Ao festejar efusivamente o golo fora de horas de Hernâni virado para o banco do Boavista no dérbi da Invicta deste domingo, no Bessa, Sérgio Conceição recebeu do árbitro Hugo Miguel ordem de expulsão pela terceira vez na época, pela quarta vez desde que orienta o FC Porto e pela décima ocasião na carreira de treinador.

No calor do jogo, as emoções estão à flor da pele, mas as do técnico portista fazem-se com maior intensidade ou... então são apenas mais castigadas pelos árbitros. "Um jogo é propício a emoções e essas emoções provocam reações diferentes em função da personalidade e da experiência das pessoas, neste caso de um treinador mas também ex-jogador", começou por explicar ao DN o especialista em Psicologia Desportiva, Jorge Silvério.

segunda-feira, 3 de dezembro de 2018

Aos 60 anos, Rosa Mota vence em Macau: "Não tinha nada que fazer, resolvi participar"

Rosa Mota venceu a maratona olímpica de Seul, em 1988
Estamos em 2018 mas uma das notícias deste domingo é a vitória de Rosa Mota numa prova internacional, neste caso a mini-maratona de Macau. Aos 60 anos e três décadas depois de ter conquistado a medalha olímpica na maratona dos Jogos de Seul, na Coreia do Sul, a antiga atleta foi a primeira a cortar a meta após 5.200 metros em 22:02 minutos.

"Foi ótimo. Têm aqui a mini-maratona, não tinha nada que fazer e resolvi participar. Continuo a gostar de correr mas só faço distâncias curtas, até 10 quilómetros", sintetizou ao DN a sempre simpática ex-campeã do mundo e da Europa, que foi convidada pela organização da 37.ª Maratona Internacional para assumir o papel de embaixadora anti-doping. "Fizemos uma ação de sensibilização para os atletas e explicámos o que é o controlo antidoping. Achei muito interessante e nunca tinha visto tal noutro lado do mundo. A batota e o doping existem, mas temos de tentar acabar com eles", acrescentou, agrada com a organização.

domingo, 2 de dezembro de 2018

Benfica do "lento, lento, lento" a reentrada a todo o gás

Rafa em disputa de bola com Bruno Nascimento
O Benfica voltou este sábado às vitórias e a exibir, pelo menos durante a segunda parte, futebol de grande qualidade, na receção ao Feirense (4-0) que valeu a subida provisória ao segundo lugar, horas antes de o Sp. Braga receber o Moreirense e na antevéspera de uma difícil deslocação do Sporting a Vila do Conde.

Para encerrar uma semana atribulada, na qual Rui Vitória esteve com um pé de fora do clube, conforme assumiu Luís Filipe Vieira, os encarnados iniciaram o encontro precisamente como o seu presidente não queria: a jogar "lento, lento, lento". Durante uma primeira parte praticamente sem qualquer bruaá, fizeram-se ouvir os assobios de parte dos adeptos benfiquistas, insatisfeitos com a falta de dinâmica da circulação de bola, a incapacidade para chegar com perigo à área contrária e os contra-ataques venenosos dos fogaceiros. Um livre de Pizzi defendido por Caio Secco, aos 28 minutos, foi a única situação de perigo da etapa inicial.

sábado, 1 de dezembro de 2018

A minha primeira memória de… um jogo entre Sporting e Rio Ave

Idalécio e Silva em disputa de bola no jogo de Alvalade
Os jogos entre Rio Ave e Sporting ainda não atingiram o estatuto de clássico de futebol português, mas jamais me esquecerei do primeiro duelo que vivenciei entre ambos os clubes. Porquê? Porque assisti ao encontro ao vivo, naquela que foi a primeira vez que entrei num dos estádios construídos para o Euro 2004, no caso o Estádio José Alvalade.

Os dez novos ou remodelados recintos que Portugal ganhava por essa altura primavam quase todos pela modernidade, nomeadamente pela maior proximidade entre relvado e bancadas e pela cobertura que protege os adeptos da chuva ou do sol, entre outras funcionalidades. No caso do então também conhecido como Alvalade XXI, destacavam-se igualmente as bancas coloridas, com o propósito de dar sempre a ideia de grandes assistências, e o não menos controverso fosso entre bancadas e o relvado.

sexta-feira, 30 de novembro de 2018

A "tremideira" e o sub-rendimento da equipa do Benfica

Rui Vitória está de saída do Benfica ao fim de três anos
Nos últimos sete jogos oficiais, o Benfica foi derrotado em quatro (Ajax, Belenenses, Moreirense e B. Munique) e empatou outro (Ajax). Além disso, as exibições da equipa têm sido muito questionadas e os adeptos têm brindado o treinador com lenços brancos e os jogadores com enormes assobiadelas.

O antigo diretor-geral do futebol do Benfica nas décadas de 1980 e 1990, Gaspar Ramos, considera que o principal problema dos encarnados não se chama Rui Vitória. "Esta situação está relacionada com erros de planeamento, não só com o treinador. O treinador pode cometer erros, mas há coisas mais profundas que terão de ser analisadas, como por exemplo a forma como se reage a determinado tipo de situações ou a atuação que é desenvolvida, uma série de situações que tem que ver com o grupo, a constituição do plantel, a influência que determinado tipo de atitudes e pressões podem ter no balneário", afirmou ao DN.

quinta-feira, 29 de novembro de 2018

Noite perfeita levou FC Porto aos oitavos antes de ir a jogo e rendeu 12,2 milhões

Danilo e Óliver titulares em meio-campo portista reforçado
FC Porto e Schalke ainda não tinham entrado em campo e já recebiam boas notícias da Rússia: a vitória do Lokomotiv Moscovo sobre o Galatasaray (2-0) garantia a ambos o apuramento para os oitavos de final da Liga dos Campeões e o consequente prémio de 9,5 milhões de euros. No total, os portistas já superaram a fasquia dos 60M esta época - com a vitória desta quarta-feira no Dragão (3-1), são já 65,7M. E para completar o ramalhete, um bónus que poderá dar imenso jeito: a liderança do grupo, que faz com que sejam evitados confrontos com o tricampeão europeu Real Madrid e o sempre candidato Barcelona na próxima fase.

quarta-feira, 28 de novembro de 2018

Palmeiras 2018. A radiografia de um campeão

Palmeiras sagrou-se campeão com triunfo no terreno do Vasco
O Palmeiras sagrou-se campeão brasileiro pela décima vez, reconquistando o título dois anos depois, e não há como dissociar Luiz Felipe Scolari do feito. Bem pelo contrário. Felipão foi, muito provavelmente, o grande protagonista da campanha alviverde, tendo assumido o comando técnico após a 15.ª jornada, com a equipa em 7.º lugar e a oito pontos do então líder Flamengo.

Seguiram-se 22 jogos sem derrotas no Brasileirão – maior sequência da história do campeonato desde que se tornou uma prova de regularidade - e desempenhos bastante aceitáveis na Copa do Brasil e na Libertadores, competições em que o verdão caiu nas meias-finais ante Cruzeiro e Boca Juniors, respetivamente.

terça-feira, 27 de novembro de 2018

Taça de Portugal. Dois irmãos levaram o Montalegre ao momento mais alto da sua história

Paulo Reis (à esquerda) e José Manuel "Viage" 
Mora em Trás-os-Montes, a menos de dez quilómetros da fronteira com Espanha, o único resistente do Campeonato de Portugal na Taça. O Montalegre, que apenas por uma vez tinha estado presente na terceira eliminatória, esta época não só consegui chegar à quarta como já garantiu o bilhete para a quinta, em que estarão em competição apenas 16 equipas. Tudo começou com uma derrota em casa, ante o vizinho Pedras Salgadas (2-3), mas a repescagem no sorteio da 2.ª eliminatória tratou de recolocar os transmontanos na prova rainha do futebol português.

sábado, 24 de novembro de 2018

Felipe Melo. O instável médio estabilizador

Felipe Melo é titular indiscutível do Palmeiras aos 35 anos

Felipe Melo, atualmente ao serviço do Palmeiras, é aquilo a que se pode chamar de médio estabilizador. De características essencialmente defensivas, raramente sai da sua posição no duplo pivot defensivo do verdão de Luiz Felipe Scolari, deixando essa missão a cargo do box-to-box Bruno Henrique.  

Além de dar equilíbrio defensivo à equipa ao procurar criar superioridade numérica na zona da bola e ao não conceder liberdade ao principal criativo da equipa adversária, é forte no jogo aéreo embora não seja propriamente uma viga (1,83 m) e é agressivo na disputa de bola, ajudando à recuperação da posse.

sexta-feira, 23 de novembro de 2018

O goleador do Casa Pia que supera Ronaldo e Messi

Gonçalo Gregório vive a época mais produtiva da carreira
Nem Jonas, nem Bas Dost, nem Marega. E quem se aproxima mais na I Liga é Dyego Sousa, do Sp. Braga, com 11 golos. O melhor marcador das competições nacionais dá pelo nome de Gonçalo Gregório, joga no Campeonato de Portugal ao serviço do Casa Pia e leva 17 remates certeiros em 14 partidas (média de 1,2 por jogo), entre campeonato e Taça de Portugal. Nem Lionel Messi, com 14 golos em todas as provas, ou Cristiano Ronaldo, com nove, superam o arranque goleador do avançado da equipa de Pina Manique.

quinta-feira, 22 de novembro de 2018

Novas funções para Miguel Rosa a sul do Tejo

Miguel Rosa joga agora como médio centro, aos 29 anos

Faz sentido, para Miguel Rosa, a teoria de que muitos jogadores acabam por recuar no terreno com o avançar da idade. Aos 29 anos, o futebolista que foi médio ofensivo, extremo e até chegou a atuar como falso ponta de lança no Belenenses, vai jogando como médio centro no Cova da Piedade, na II Liga.

Depois de muitos anos de diagonais de fora para dentro e de dribles e arrancadas no último terço nos azuis do Restelo e no Benfica B, agora as suas funções são outras. Numa posição mais recuada do que no início da carreira, baixa até ao próprio meio-campo para participar no início das construções das jogadas, mas não deixa de aparecer na zona de definição, um pouco à imagem de Pizzi no Benfica, salvo as devidas proporções.

terça-feira, 20 de novembro de 2018

WWE | Survivor Series 2018

Raw atropela Smackdown e vence por 6-0



Data: 18 de novembro de 2018
Arena: Staples Center
Localidade: Los Angeles, Califórnia


segunda-feira, 19 de novembro de 2018

Sori Mané não vai durar muito tempo no Cova da Piedade

Internacional guineense Sori Mané tem apenas 22 anos

Embora em maus lençóis na tabela classificativa da II Liga, o Cova da Piedade não se pode queixar da falta de jogadores de qualidade. Os mais conhecidos são veteranos como Moreira, Evaldo, Pereirinha e Miguel Rosa, mas também há jovem a despontar e o que tem dado mais nas vistas é o internacional guineense Sori Mané, 22 anos, que pode atuar a central ou a trinco.

Com passagem pela formação da Sampdoria, esteve duas épocas no Olhanense antes de se mudar para Almada no verão de 2017. Depois de uma temporada na sombra de Soares, que se transferiu para o Arouca, pegou de estaca, alternando entre o eixo defensivo e a posição mais recuada do meio-campo.

domingo, 18 de novembro de 2018

WWE | NXT TakeOver: WarGames II

Ricochet, Dunne e War Raiders vencem War Games e Ciampa e Baszler continuam campeões



Data: 17 de novembro de 2018
Arena: Staples Center
Localidade: Los Angeles, Califórnia


quinta-feira, 15 de novembro de 2018

A minha primeira memória de um… Survivor Series

Hardys, DX e CM Punk fizeram história na edição de 2006

Comecei a acompanhar WWE em finais de 2005, ainda a tempo de acompanhar a storyline da acesa rivalidade entre Raw e Smackdown que culminou no Survivor Series desse ano. No entanto, a SIC Radical ainda não transmitia PPV’s nessa altura e eu não tinha internet. Apenas no ano seguinte, à imagem do SummerSlam, é que assisti pela primeira vez a uma edição de um dos mais históricos eventos da promotora.

Na altura, depois de três trimestres de grande nível, a qualidade dos programas e das feuds começava a cair um pouco. A rivalidade entre Batista e King Booker, que nunca foi propriamente palpitante, já se arrastava há vários meses.

quarta-feira, 14 de novembro de 2018

Acuña, um extremo regular que pode virar lateral de excelência

Argentino Marcos Acuña leva 69 jogos de leão ao peito
Marcos Acuña apresentou-se aos adeptos portugueses como um extremo esquerdo durante a sua primeira época no Sporting, às ordens de Jorge Jesus. Fixou-se como titular indiscutível, marcou meia dúzia de golos e aproveitou a montra da Liga dos Campeões para entrar no radar dos colossos europeus.

Contudo, apesar da tremenda qualidade de cruzamento e da apetência para as tarefas defensivas, fez notar alguma falta de magia e de fantasia que o impediam de ultrapassar adversários e queimar linhas através do drible. E um extremo de uma equipa como o Sporting, que joga permanentemente no meio-campo ofensivo e muitas vezes frente a adversários organizados em bloco baixo, tem de ter qualidade de drible.

terça-feira, 13 de novembro de 2018

ROH & NJPW | Global Wars 2018: Toronto

Jay Lethal e SoCal Uncensored continuam campeões



Data: 11 de novembro de 2018
Arena: Mattamy Athletic Centre
Localidade: Toronto, Ontário, Canadá


segunda-feira, 12 de novembro de 2018

Keizer a tirar notas no regresso aos golos de Bas Dost em Alvalade

O momento em que Bas Dost cabeceia para o 1-0
A conturbação parece não ter fim à vista no Sporting, que este domingo viu serem detidos o ex-presidente, Bruno de Carvalho, e o líder da Juventude Leonina, Mustafá. No entanto, em pezinhos de lã, enquanto o interino Tiago Fernandes assegura a transição de José Peseiro para Marcel Keizer no comando técnico, os leões somam a quinta vitória em outras tantas jornadas da I Liga disputadas em casa e já sabem que vão entrar em dezembro na vice-liderança do campeonato, a dois pontos do FC Porto.

Diante de um Desp. Chaves que se apresentou em Lisboa a segurar a lanterna vermelha mas ainda assim a procurar guardar a bola, os verde e brancos demoraram a impor o seu jogo e, embora dominado o encontro na maior parte do tempo, nunca o chegaram a ter completamente sob controlo.

domingo, 11 de novembro de 2018

Dedé, o imponente central do Cruzeiro que deixou Militão e Felipe de fora do escrete

Dedé ajudou o Cruzeiro a conquistar duas Copas do Brasil

Depois de terem integrado convocatórias da seleção brasileira depois do Mundial 2018 e apesar do bom momento que atravessam e do grande entendimento que têm revelado, os centrais portistas Felipe e Éder Militão não foram chamados por Tite para os jogos de 16 e 20 de novembro em Londres, diante de Uruguai e Camarões. Em detrimento deles, o responsável pelo escrete vai levar aquele que é o único elemento da lista a atuar no Brasileirão, Dedé, central de 30 anos do Cruzeiro.

sexta-feira, 9 de novembro de 2018

Três jogadores do Corinthians para a Europa ter em conta

Mateus Vital e Pedrinho são duas promessas do Corinthians

A época não está a correr de feição ao Corinthians, campeão brasileiro no ano passado. Apesar da conquista do Paulistão no arranque da temporada, o timão está a desiludir no campeonato ao ponto de ainda não ter garantido a permanência, foi afastado da Libertadores nos oitavos de final e, a jogar a segunda mão da final em casa diante do Cruzeiro, foi incapaz de vencer a Copa do Brasil.

A instabilidade também se tem feito sentir no banco. O campeão Fábio Carille começou a época, mas rumou aos sauditas do Al-Wehda a meio. Seguiu-se o ex-adjunto Osmar Loss, entretanto substituído por Jair Ventura que, ao que tudo indica, terminará a temporada.

quinta-feira, 8 de novembro de 2018

Óliver Torres. Quem o viu e quem o vê

Óliver Torres começa a justificar os 20 milhões que custou 

Elegi Óliver Torres como um dos flops da I Liga na época passada e não me arrependo. Tudo dava a entender para que o médio espanhol fosse um elemento central na manobra ofensiva da formação orientada por Sérgio Conceição, com a missão de ligar setores e corredores, e uma peça nuclear para a pressão alta do bloco portista. Porém, não mostrou pedalada para as funções e não conseguiu colocar a sua indiscutível qualidade técnica ao serviço do coletivo, ao ponto de ter perdido rapidamente a titularidade para Herrera e não ter sequer chegado aos mil minutos no campeonato.

quarta-feira, 7 de novembro de 2018

As minhas primeiras memórias de… jogos do Sporting em Inglaterra

Golaço de Tello decidiu jogo de pré-época com o Newcastle

Falar das minhas primeiras memórias de jogos do Sporting em Inglaterra é recordar a época 2004/05. Depois de estágios nas pré-temporadas anteriores no centro da Europa, em países como França ou Suíça, os leões então orientados por José Peseiro rumaram a terras de sua majestade, onde permaneceram cerca de uma semana.

O primeiro encontro do estágio, diante do Crystal Palace (0-1), então recém-promovido à Premier League, não foi transmitido em Portugal.

terça-feira, 6 de novembro de 2018

ROH | Survival Of The Fittest 2018

Marty Scurll vence torneio Survival of the Fittest 2018



Data: 4 de novembro de 2018
Arena: Express Live!
Localidade: Columbus, Ohio


segunda-feira, 5 de novembro de 2018

"Marcel Keizer? Ajax B era dominador, corria riscos e tinha grande atitude ofensiva" - Miguel Santos

Marcel Keizer deverá ser o próximo treinador do Sporting
O jovem guarda-redes português Miguel Santos, 24 anos, até levou a melhor quando ao serviço do Fortuna Sittard defrontou o Ajax B de Marcel Keizer, apontado como provável novo treinador do Sporting, mas teceu os maiores elogios às ideias de jogo do ainda técnico do Al Jazira.

"O Ajax B era uma equipa extremamente dominadora, corria riscos, tinha uma saída de bola curta e uma atitude ofensiva muito grande", recordou ao DN o guardião luso, em alusão à temporada de 2016/17, em que a formação secundária do clube de Amesterdão terminou a II Liga holandesa em 2.º lugar, com 93 golos marcados (e 54 sofridos) ao longo das 38 jornadas.

domingo, 4 de novembro de 2018

WWE | Crown Jewel

DX vencem os Brothers of Destruction e Shane McMahon conquista a WWE World Cup



Data: 2 de novembro de 2018
Arena: King Saud University Stadium
Localidade: Uniondale, Nova Iorque


sábado, 3 de novembro de 2018

Do golo 100 de Jonas na I Liga a um descalabro como há muito não se via na Luz

Pedro Nuno festeja o segundo golo do Moreirense
A 9.ª jornada da I Liga arrancou com uma surpresa, talvez a maior deste início de campeonato. O Benfica foi derrotado em casa pelo Moreirense (1-3), sofrendo o terceiro desaire consecutivo em todas as competições - algo que já não acontecia há pouco mais de oito anos, na altura com Jorge Jesus -, o que fez aumentar a contestação a Rui Vitória, que voltou a ver lenços brancos e a ouvir assobios e pedidos de demissão. "Temos de reagir o mais rápido possível", disse após o encontro.

Depois da derrota ante o Belenenses no fim de semana anterior - quatro dias depois do jogo perdido em Amesterdão ante o Ajax para a Liga dos Campeões -, julgava-se que o mais difícil para os encarnados fosse marcar o primeiro golo, de forma a afastar os fantasmas e reduzir a ansiedade. No entanto, tudo correu ao contrário. O Benfica demorou apenas dois minutos a inaugurar o marcador, por intermédio do regressado Jonas (dois minutos), que a passe de João Félix marcou o 100.º golo na I Liga, no primeiro jogo como titular desde 13 de maio, mas o que parecia ser a primeira pedra de um regresso às vitórias acabou por ser o único motivo de festejos para os adeptos benfiquistas na Luz.

terça-feira, 30 de outubro de 2018

Ralf. O histórico trinco puro do Corinthians em terra de volantes

Ralf é uma das referências do Corinthians, a par de Cássio
Não é uma figura recente no futebol brasileiro, mas não deixa de ser impressionante a sua longevidade enquanto elemento importante de um dos mais populares e bem-sucedidos clubes do Brasil, o Corinthians.

Num campeonato em que a esmagadora maioria dos treinadores privilegia o 4x2x3x1 com dois volantes [médios mais recuados] corresponsáveis pelas tarefas de cobertura e a apoiarem alternadamente o ataque, Ralf é desde há muitos anos um médio defensivo atípico em terras de Vera Cruz.

segunda-feira, 29 de outubro de 2018

WWE | Evolution

Becky Lynch e Ronda Rousey retêm os títulos; Shayna Baszler nova campeã do NXT



Data: 28 de outubro de 2018
Arena: Nassau Veterans Memorial Coliseum
Localidade: Uniondale, Nova Iorque


domingo, 28 de outubro de 2018

11 anos, 30 jogos e 38 golos depois. Eis o primeiro Barça-Real sem Messi e Ronaldo

Ronaldo e Messi marcaram uma era nos clássicos espanhóis
O clássico entre Barcelona e Real Madrid - El Clásico para os espanhóis - foi visto durante décadas como um confronto entre um símbolo do nacionalismo catalão e um do patriotismo espanhol. Mas desde que Cristiano Ronaldo assinou pelos merengues no verão de 2009 que o encontro se confundia com um duelo entre CR7 e Lionel Messi. Neste domingo, pela primeira vez em 11 anos, os dois jogadores não vão liderar as respetivas equipas: Ronaldo, porque entretanto se transferiu para a Juventus, e Messi por estar lesionado.

sábado, 27 de outubro de 2018

A minha primeira memória de… um clássico entre Barcelona e Real Madrid

Luís Figo e Carles Puyol no clássico de 21 de outubro de 2000
2000 foi o ano em que me rendi ao futebol. Foi também o ano em que o Sporting voltou a ser campeão após 18 épocas de jejum, em que França juntou o título europeu ao mundial e… e o ano da chocante transferência de Luís Figo do Barcelona para o rival Real Madrid, que pagou numa só tranche a cláusula de rescisão de 60 milhões de euros.

A 25 de julho, o internacional português, então com 27 anos, tornava-se o jogador mais caro da história e era apresentado no Santiago Bernabéu, cumprindo a promessa eleitoral de Florentino Pérez.

sexta-feira, 26 de outubro de 2018

Primeira parte fez o Sporting sonhar, segunda fê-lo sofrer

Montero e Sokratis num lance em que os leões se queixaram
O Sporting perdeu nesta quinta-feira em Alvalade com o Arsenal por 0-1 e deixou fugir os primeiros pontos e os gunners na liderança do grupo E da Liga Europa, num daqueles típicos jogos em que se pode falar de duas partes distintas. A primeira fez o leão sonhar, a segunda fê-lo sofrer às mãos de uma equipa que leva agora 11 vitórias consecutivas em todas as competições.

Nos primeiros 45 minutos, os 40 784 espectadores - recorde da temporada - que se deslocaram ao estádio viram José Peseiro apresentar um meio-campo reforçado, com três jogadores de características defensivas (Petrovic, Battaglia e Gudelj) e Bruno Fernandes encostado ao flanco esquerdo. O músculo, a vocação defensiva e a energia de 11 homens frescos foram estancando as jogadas de ataque dos ingleses, que, apesar de dominarem no capítulo da posse de bola, não conseguiam chegar com perigo à baliza de Renan, em estreia nas competições europeias.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...