Mostrar mensagens com a etiqueta Angola. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta Angola. Mostrar todas as mensagens

quinta-feira, 23 de abril de 2020

A minha primeira memória de… um jogo da seleção angolana

Capitão angolano Akwá procura travar o português Luís Figo
A minha primeira memória de um jogo da seleção angolana era para ser de festa, estando até previsto fogo de artifício, mas não passou de uma batalha campal. A 14 de novembro de 2001, Angola defrontava Portugal no antigo Estádio José Alvalade, naquele que seria o último jogo de ambas as seleções nesse ano que tinha sido memorável tanto para uma como para outra.

No mês anterior, a equipa das quinas tinha carimbado o apuramento para o Campeonato do Mundo, torneio em que não marcava presença desde 1986 – além dessa participação, só tinha a de 1966 no palmarés. E um pouco antes, os Palancas Negras tinham conquistado a Taça COSAFA, um torneio anual para as seleções da África Austral.

domingo, 19 de abril de 2020

Os 10 jogadores com mais internacionalizações por Angola

Dez jogadores emblemáticos da história dos Palancas Negras
Nação independente desde 11 de novembro de 1975, Angola é representada por uma seleção nacional de futebol desde 8 de fevereiro de 1976, quando os Palancas Negras disputaram o primeiro jogo da sua história, numa derrota com o Congo em Brazzaville (2-3).

No ano seguinte, a 26 de junho de 1977, a seleção angolana defrontou pela primeira vez uma congénere não africana, Cuba, tendo vencido por 1-0.

quarta-feira, 15 de abril de 2020

Hugo Marques: “Não sou de Faro, mas sou Farense. Dou a vida por este clube”

Hugo Marques sente-se acarinhado pelos adeptos do Farense
Uma das figuras de um Farense que está muito bem posicionado para subir à I Liga, o guarda-redes Hugo Marques sente-se feliz, em casa e com vontade de fazer história no histórico clube algarvio, quase cinco depois de ter saído de forma pela porta pequena do futebol angolano.

Numa entrevista profunda dividida em duas partes – esta é a segunda, poder ler a primeira AQUI -, o veterano guardião internacional angolano revisitou os tempos em que jogou no 1º de Agosto e especialmente no Kabuscorp, clube em que foi colega de Rivaldo e de onde saiu de forma conturbada, com salários em atraso e em rota de colisão com o treinador Miller Gomes. Por outro lado, declara-se apaixonado pelo emblema representa, sonhando levá-lo às competições europeias.

segunda-feira, 13 de abril de 2020

Hugo Marques: “Foi injusto não ter estado no CAN 2019. Os melhores são para estar lá”

Hugo Marques soma quatro internacionalizações por Angola
A viver a melhor fase da carreira, Hugo Marques é um dos pilares de um Farense que está muito bem posicionado para subir à I Liga. Aos 34 anos, remeteu para o banco de suplentes o guarda-redes internacional português Daniel Fernandes nos leões de Faro.

Para trás fica a infância difícil no norte de Portugal, a aventura como jogador de campo no futsal,  um percurso nas seleções jovens portuguesas, as memórias dos treinos às ordens de José Mourinho no FC Porto e orgulho em ter representado o país da mãe, Angola, numa grande competição internacional, mantendo a porta aberta aos Palancas Negras.

quarta-feira, 8 de abril de 2020

O jovem madeirense que é adjunto dos Palancas Negras

João Alves trabalha na Federação Angola de Futebol desde 2019
Certamente um dos elementos mais jovens de uma equipa técnica de uma seleção nacional AA, João Alves nasceu na ilha da Madeira, formou-se e começou a trabalhar como treinador na região de Lisboa, mas é em Angola, ao serviço dos Palancas Negras, que vai evoluindo aos 25 anos.

João Alves começou a carreira de treinador ainda no terceiro ano na Faculdade de Motricidade Humana, num estágio efetuado nos sub-13 e nos sub-16 do Operário de Lisboa como treinador adjunto e em simultâneo na Escola Academia Telheiras. Em seguida, esteve na Associação Desportiva e Cultural da Encarnação e Olivais (ADCEO) como treinador principal dos sub-13 e como adjunto nos sub-17 e nos sub-19 do Mafra. 

domingo, 29 de março de 2020

“Há muito potencial para explorar no futebol angolano” – Pedro Gonçalves

Pedro Gonçalves procura apurar Angola para o CAN 2021
Em Angola desde 2015, na altura para trabalhar nas camadas jovens do 1º de Agosto, Pedro Gonçalves trabalha há dois anos para a Federação Angolana de Futebol e assumiu o comando técnico da seleção principal após o CAN 2019.

Em entrevista divida em duas partes (esta é a segunda, poder ler a primeira CLICANDO AQUI), o treinador português de 44 anos recorda o seu trajeto de quase um quarto de século como treinador, nomeadamente o tempo que passou na formação do Sporting, fala do estado atual do futebol angolano e revela as expectativas para o futuro dos Palancas Negras.

sábado, 28 de março de 2020

“Sinto um ambiente de desconfiança em redor da seleção por parte de muitos angolanos” - Pedro Gonçalves

Pedro Gonçalves tornou-se selecionador de Angola em 2019
Em Angola desde 2015, na altura para trabalhar nas camadas jovens do 1º de Agosto, Pedro Gonçalves trabalha há dois anos para a Federação Angolana de Futebol e assumiu o comando técnico da seleção principal após o CAN 2019.

Em entrevista divida em duas partes (esta é a primeira, pode ler a segunda CLICANDO AQUI), o treinador português de 44 anos recorda o seu trajeto de quase um quarto de século como treinador, nomeadamente o tempo que passou na formação do Sporting, fala do estado atual do futebol angolano e revela as expectativas para o futuro dos Palancas Negras.

segunda-feira, 23 de março de 2020

Os 10 jogadores angolanos mais valiosos do Girabola

Dez angolanos mais valiosos do Girabola avaliados em 3,15 milhões
Não é só na diáspora que jogam alguns dos maiores talentos angolanos. Também no Girabola, o principal campeonato de futebol de Angola, criado em 1979 em substituição da prova que era denominada por Campeonato do Estado Ultramarino de Angola, que vigorou entre 1941 e 1975.

quinta-feira, 12 de março de 2020

Os 9 internacionais angolanos que jogaram nas big five

Restrito lote de internacionais angolanos que jogaram nas big five
Os campeonatos de Inglaterra, Espanha, Itália, Alemanha e França são considerados os principais no panorama europeu e até mundial, o que lhes vale a designação de big five.

Embora muitos mais jogadores nascidos em Angola ou com origem angolana tenham disputado pelo menos uma destas cinco ligas, se contabilizarmos apenas os que jogaram pelos Palancas Negras, que tiveram o seu primeiro encontro oficial em 8 de fevereiro de 1976, o lote fica restrito a apenas nove futebolistas.

quarta-feira, 4 de março de 2020

Os 10 internacionais angolanos com mais jogos na I Liga portuguesa

Os internacionais angolanos que mais jogaram I Liga portuguesa
Desde que o campeonato português num sistema de pontos foi instituído em 1934-35 que dezenas e dezenas de jogadores nascidos em Angola ou com origem angolana têm disputado a competição.

Uns ainda no tempo do colonialismo, outros após a independência do país africano. Uns nasceram em Angola mas nunca quiseram jogar pelos Palancas Negras, outros até nasceram noutros países mas optaram por representar o país de pais e/ou avós. Por isso, contabilizamos neste ranking apenas os internacionais angolanos que jogaram na I Liga portuguesa.

terça-feira, 18 de fevereiro de 2020

Os 10 internacionais angolanos que jogaram na Liga dos Campeões

Uma dezena de futebolistas angolanos disputou a Champions
A Taça dos Campeões Europeus foi fundada em 1955 e desde então que dezenas e dezenas de jogadores nascidos em Angola ou com origem angolana têm disputado a competição, mas se contabilizarmos apenas os que jogaram pelos Palancas Negras, que tiveram o seu primeiro encontro oficial em 8 de fevereiro de 1976, apenas dez disputaram a Champions.

domingo, 9 de fevereiro de 2020

Os 10 internacionais angolanos mais valiosos da atualidade

Lista de internacionais angolanos avaliada em 22,15 milhões de euros
Angola tem quase 30 milhões de habitantes, mas os principais jogadores da sua seleção jogam fora do país, nomeadamente nos campeonatos de Portugal, Bélgica e Turquia. É esse o núcleo duro dos Palancas Negras, que ocupam o 124.º lugar do ranking FIFA e participaram no ano passado na Taça das Nações Africanas (CAN), não tendo passado da fase de grupos.

domingo, 12 de janeiro de 2020

Os 10 jogadores mais valiosos que ainda podem optar pela seleção de Angola

Lista de futebolistas avaliada num total de 120,5 milhões de euros
Ainda era uma colónia portuguesa quando Angola começou a produzir futebolistas talentosos. Peyroteo, Iaúca, Jorge Mendonça, José Maria, Jacinto João, Rui Jordão, Dinis, Seninho, Jorge Plácido, Paulo Madeira, Filipe Ramos, Hélder Cristóvão, Cabral e Luís Vidigal foram alguns desses casos.

terça-feira, 9 de julho de 2019

O que Angola nos mostrou no CAN 2019

Angola saiu do CAN com dois pontos e apenas um golo marcado
Depois de um promissor empate e desempenho frente a Tunísia na primeira jornada, acabou por saber a pouco a eliminação logo na fase de grupos, sobretudo tendo em conta que a Mauritânia tem muito menos recursos e que o Mali estava já apurado e poupou alguns jogadores como Marega e Diaby no encontro com os Palancas Negras, que só necessitavam do empate para seguir em frente.

sexta-feira, 21 de junho de 2019

Angola e Guiné-Bissau no maior e mais quente CAN de sempre

Angola e Guiné-Bissau vão representar a lusofonia no Egito
Depois da Taça Asiática e da Liga das Nações e com a Copa América e a Gold Cup em andamento, há mais um torneio de seleções para ver. O Campeonato Africano das Nações (CAN) 2019 arranca nesta sexta-feira, naquela que será a primeira vez que a competição se vai realizar no verão e com 24 equipas, entre elas Angola e Guiné-Bissau.

segunda-feira, 10 de agosto de 2015

Ricas ligas, pobres seleções


Seleção russa tem a presença no Euro-2016 em risco
No final de maio, a poucos dias do final do campeonato clausura no México, em representação d’A BOLA entrevistei Pedro Caixinha, que havia de se tornar campeão pelo Santos Laguna.

Durante a conversa, o treinador natural de Beja, 44 anos, teve um raciocínio interessante sobre o desenvolvimento do jogador mexicano. Disse-me que os futebolistas não saem do país porque recebem bons salários, ficam-se pela zona de conforto e não experimentam os campeonatos europeus, mais competitivos, e por isso, não evoluem tanto.

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

CAN 2013 | África do Sul 2-0 Angola


Esta tarde, no Estádio Moses Mabhida, em Durban, África do Sul derrotou Angola por 2-0, num jogo a contar para a 2ª jornada do Grupo A da CAN 2013. Sangweni e Majoro marcaram os golos do encontro.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...