Mostrar mensagens com a etiqueta Comércio e Indústria. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta Comércio e Indústria. Mostrar todas as mensagens

quarta-feira, 24 de outubro de 2018

Da baliza de futsal aos cinco golos na 1.ª jornada da II Distrital com uma ruptura de ligamentos pelo meio

Rúben Nicolau quer ajudar o Comércio a subir de divisão
Rúben, avançado do Comércio e Indústria, teve no domingo uma tarde inesquecível que tinha tudo para não acontecer. Os cinco golos ao Juventude Cercalense – quatro dos quais no espaço de cinco minutos, “de um momento para o outro” -, na goleada fora por 6-0 na jornada inaugural da II Distrital, escondem uma história de superação e de um trajeto pouco comum.

Talvez seja mais comum ver um jogador de campo transformar-se em guarda-redes – aconteceu com quase todos os grandes guardiões mundiais. O mais difícil de encontrar é um guarda-redes que se tenha mudado para ponta de lança (e se tenha dado bem). E ainda mais raro é descobrir um guarda-redes de futsal que tenha virado ponta de lança no futebol 11. Rúben começou na baliza de um clube de Setúbal, Os Verdes. Seguiu-se a transição para as balizas de futebol, primeiro para as de futebol 7, no Ídolos da Praça e no Vitória de Setúbal, depois para as de futebol 11, já no clube mais representativo da cidade do Sado. No verão em que passou a juvenil, mudou-se para o Comércio e Indústria, mas só no segundo ano desse escalão é que experimentou jogar à frente.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...