Mostrar mensagens com a etiqueta Paris SG. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta Paris SG. Mostrar todas as mensagens

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

Ligue 1 | Montpellier 1-1 Paris SG

lequipe.fr
Esta noite, no Estádio Le Mosson, Montpellier e Paris SG empataram 1-1, na ronda inaugural da Ligue 1. Cabella inaugurou o marcador para os homens da casa, e Maxwell repôs a igualdade para os parisienses.

quarta-feira, 6 de março de 2013

Liga dos Campeões | Paris SG 1-1 Valencia

uefa.com
Esta noite, no Parc des Princes, Paris SG e Valencia empataram 1-1, num jogo a contar para os Oitavos-de-final da Liga dos Campeões. Como na primeira-mão o resultado foi 2-1 favorável aos parisienses, estes seguem para os quartos. Jonas inaugurou o marcador para os valencianos, e Lavezzi empatou para os gauleses.
                                      

sábado, 17 de novembro de 2012

Ligue 1 | Paris SG 1-2 Rennes


Esta tarde, no Parc des Princes, o Rennes venceu o Paris SG por 2-1, num jogo a contar para a 13ª jornada da Ligue 1. Alessandrini e Féret marcaram para os visitantes, e Nenê para os parisienses.

segunda-feira, 23 de julho de 2012

World Football Challenge | Chelsea 1-1 Paris SG


Esta noite, no Yankee Stadium, em Nova Iorque, Chelsea e Paris SG empataram a um golo, num jogo a contar para o World Football Challenge, um evento de pré-época nos Estados Unidos. Nenê abriu o marcador para os parisienses, Piazón empatou para os londrinos.

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Torneio do Guadiana | Benfica 3-1 Paris SG



No regresso a Portugal, o Benfica regressou também às vitórias, vencendo os franceses do Paris SG por 3-1.

O Benfica repetiu praticamente os mesmos onze que tinha sido derrotado pelo Dijon, fazendo apenas entrar Bruno César e sair Saviola, com Gaitán a fazer a posição de segundo avançado e o ex-Corinthians actuando no lado esquerdo do meio-campo encarnado.

O Benfica começou bem, com gás, e depois de várias oportunidades conseguiu chegar-se à frente no marcador por Óscar Cardozo logo aos 10 minutos, assistido por um passe de Pablo Aimar com um ressalto pelo meio.

No entanto, quatro minutos depois o Paris SG empatou o jogo, num belo golo apontado pelo melhor dos parisienses no primeiro tempo, Nenê, um brasileiro de 28 anos com muita qualidade, que “chapelou” Artur Moraes.

A partir daí, o PSG teve cerca de 20 minutos no controlo do jogo, até quase ao final da primeira parte, quando o Benfica voltou à carga, especialmente num livre marcado por Cardozo no qual Douchez respondeu com uma grande defesa.

No segundo tempo o PSG trocou toda a equipa enquanto o Benfica alterou apenas o meio-campo e o ataque, com as entradas de Nuno Coelho, Urreta, Jara, Nolito, Saviola e o estreante Witsel.

Os franceses, comandados pela sua grande contratação, Kévin Gameiro (contratado por 11 milhões de euros ao Lorient), até conseguiram chegar primeiro à baliza encarnada, no entanto, Artur respondeu com um par de duas defesas consecutivas.

A partir daí, praticamente, só deu Benfica, comandados por Nolito, um jogador à Barcelona, com excelente qualidade técnica, mas sobretudo um jogador de equipa, com boa e frequente qualidade de passe, contribuindo para os dois golos que vieram a dar a vitória à equipa portuguesa, o primeiro por Jara e o 3-1 por Javier Saviola.

Até ao final, apenas um cabeceamento de Javi Garcia e um lance acrobático de Gameiro foram os lances dignos de registo.


Quanto a pontos fortes neste jogo, destaco a melhoria defensiva do Benfica, a qualidade técnica de Witsel apesar da falta de entrosamento, o bom trabalho de Matic, Artur Moraes a não mostrar a insegurança que muitos sentem quando vestem aquela camisola, a qualidade de Nolito, o regresso aos golos de Saviola e ainda Urreta que está a demonstrar “ganas” para ganhar um lugar na equipa.

Pela negativa, André Almeida que me parece ser o patinho feio daquela defesa, demonstrando nervosismo e não ser acertado tecnicamente, a desinspiração de Saviola até ao golo, o excesso de confiança revelado por Nolito na parte final do jogo e a pouca envolvência ofensiva dos laterais no jogo do Benfica, algo que era típico dos encarnados nos últimos anos, com Maxi Pereira e sobretudo Fábio Coentrão.

O próximo jogo das águias é já no Domingo, frente ao Anderlecht, também para o Torneio Guadiana.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...