quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Jogo de Preparação | Polónia 0-0 Portugal



Esta noite, em Varsóvia, Polónia e Portugal não foram além de um empate sem golos, num jogo de preparação para o EURO 2012.



Eis a constituição das equipas:

Polónia



A Polónia qualificou-se directamente para o EURO 2012 já que juntamente com a Ucrânia é um dos países organizadores.
Lewandowski, avançado do Borussia Dortmund, lesionou-se na coxa esquerda e vai falhar o encontro.
Jakub Wawrzyniak, Maciej Rybus e Marcin Komorowski, que ainda há uma semana representaram o Légia Varsóvia em Alvalade, frente ao Sporting, foram convocados pelo seleccionador Franciszek Smuda.


Portugal



A grande novidade na convocatória da selecção portuguesa foi Nélson Oliveira.
Portugal, recorde-se, apurou-se para o EURO 2012 após ter vencido no “Play-Off” a Bósnia com um agregado de 6-2.
Carlos Martins lesionou-se no último jogo do Granada e foi substituído na convocatória por Paulo Machado, já Varela também fica de fora deste encontro pelos mesmos motivos mas não foi chamado ninguém para o seu lugar.
Em relação ao último partida disputada, frente aos bósnios na Luz, Paulo Bento opta por utilizar agora Hugo Almeida em detrimento de Hélder Postiga.


Ainda com as equipas a tentarem encaixar-se uma na outra, os portugueses foram os primeiros a criar perigo, com Raul Meireles a servir de cabeça Nani, que rematou forte de primeira mas para a defesa de Szczesny.
Praticamente um minuto depois foi Hugo Almeida a rematar ao lado, num bom início para Portugal.

Nos primeiros minutos foi curioso notar o posicionamento de João Moutinho e de Raul Meireles, os dois médios-interiores que foram alternando quem ficava mais à esquerda e à direita, sempre com Miguel Veloso no meio, numa posição mais recuada.

Aos 17’, Nani voltou a mostrar sinais de irrequietação, que progrediu numa diagonal a partir do flanco direito e perto da zona central rematou de pé esquerdo para nova boa defesa do guardião polaco, isto numa altura em que a Polónia até estava por cima no encontro.

Pouco depois, Fábio Coentrão lesionou-se (foi dado a entender que rasgou a virilha) e Nélson substituiu o caxineiro, praticamente sem ter aquecido.

Com praticamente meia hora de jogo decorrida, os médios-ofensivos polacos alternaram o seu posicionamento, com Obraniak a ocupar o flanco direito, Rybus na zona central e Blaszczykowski na ala esquerda.

Aos 29’, num lance de contra-ataque, Nani isolou Cristiano Ronaldo que entrou na área e rematou forte mas Szczesny mas negou-lhe o golo.

Perto do intervalo, Nélson, muito pressionado, atrasou para a zona central com demasiada força para Bruno Alves que não conseguiu interceptar a bola, e Jelen conseguiu ficar com a bola e isolar-se mas Rui Patrício estorvou-lhe a acção e o avançado do Lille acabou por atirar para fora.

Já nos descontos, novamente em contra-golpe, após um canto a favor para a Polónia, inverteram-se o papéis e foi CR7 a isolar Nani mas este concluiu mal o lance e a bola saiu ao lado.

Ao intervalo, Paulo Bento trocou João Moutinho por Manuel Fernandes. Tacticamente tudo na mesma.

A primeira situação de perigo na segunda parte foi para a Polónia, quando Obraniak progrediu no terreno e rematou de pé esquerdo de fora da área para defesa do guarda-redes português.
Também no início do segundo tempo, a distribuição geométrica dos médios-ofensivos polacos voltou à forma original.

Aos 65’, começou a onda de substituições em Portugal. Hélder Postiga entrou para o lugar de Hugo Almeida, dando mais mobilidade à frente de ataque, e beneficiando o jogo da equipa numa altura em que o bloco não estava tão alto. Rolando também rendeu Pepe.
Quanto à selecção do leste europeu, Grosicki substituiu Jelen como homem mais adiantado.

A quinze minutos do fim, Ronaldo saiu para a entrada de Ricardo Quaresma. Com esta alteração, Nani passou para o flanco esquerdo e o atleta do Besiktas posicionou-se do lado direito.
Do lado polaco, Franciszek Smuda trocou Rybus por Peszko, Polanski por Matuszczyk, Obraniak por Mierzejewski e Wawrzyniak por Boenisch.

Aos 81’, Nélson Oliveira estreou-se na selecção ao render Nani. O jovem do Benfica foi colocado na ala esquerda.

A cinco minutos dos descontos, Rui Patrício esteve no caminho da bola a um remate de Grosicki e evitou o golo. Pouco depois, o guardião português voltou a estar em evidência ao defender um tiro de Mierzejewski.

Já praticamente nos 90’, foi a vez de Blaszczykowski descansar para dar lugar a Sebastian Mila.

O jogo terminou tal como começou, com um nulo no marcador.
Na primeira parte Portugal foi mais forte, foi a única selecção a criar perigo e podia ter ido para o intervalo em vantagem, no entanto, tal não aconteceu e no segundo tempo foi a Polónia a estar mais forte e a conseguir criar ocasiões de golo, mas também não conseguiu facturar e acaba por se ajustar ao que se passou no relvado do novíssimo Estádio Nacional de Varsóvia.

Analisando os atletas em campo, começando pelos polacos, Szczesny fez grandes intervenções e esteve em destaque, sobretudo na primeira parte, pois na segunda não teve muito trabalho.
A defesa, de uma forma geral, foi sólida, no entanto, o lado esquerdo onde estava posicionado Wawrzyniak pareceu o mais frágil, pois foi por aí que Portugal mais vezes conseguiu penetrar. O lateral-direito, Piszczek, deu profundidade ao seu flanco.
No meio-campo, o duplo “pivot” foi constituído por um mais defensivo e posicional Dudka, e um “8” com grande capacidade de passe e que dá apoio ao ataque que é Polanski.
Rybus não conseguiu pôr em prática o seu melhor futebol, Blaszczykowski esteve mais em jogo, até porque teve um grande apoio de Piszczek, e Obraniak foi dos melhores em campo, especialmente como “10” mas também como ala-direito. Jelen lutou, teve uma grande oportunidade mas não conseguiu marcar.
Dos homens que entraram, o destaque vai para Mierzejewski que mostrou ter um bom pé esquerdo.

Quanto aos atletas portugueses, Rui Patrício esteve bem quando foi chamado.
João Pereira esteve bem, embora não tão ofensivo como no Sporting, Pepe esteve irrepreensível, Bruno Alves ficou mal na fotografia quando não conseguiu interceptar um mau passe de Nélson (que falhou muitos) e Fábio Coentrão pouco tempo teve para se exibir.
Miguel Veloso esteve bem, tal como Raul Meireles, João Moutinho não sabe jogar mal mas parecia já ter a cabeça no clássico. Manuel Fernandes, fez toda a segunda parte e fez uma bela exibição, mostrando empenho e trabalho, querendo estar em todo o lado para criar linhas de passe e dinamizando com a bola nos pés. Entre ele, Ruben Micael, Carlos Martins e Hugo Viana, dois/três devem ser chamados ao EURO 2012.
Nani foi muito irrequieto na primeira metade mas eclipsou-se na segunda, a Ronaldo pouco há a apontar mas a ele pede-se sempre mais, e Hugo Almeida, num jogo em que Portugal não apresentou um bloco muito alto, esteve longe da baliza contrária e isso não beneficiou as suas características. Provavelmente, no Campeonato da Europa, sobretudo contra as favoritas Holanda e Alemanha, não é aconselhável a sua utilização como titular.
Do resto dos suplentes utilizados, tiveram pouco tempo para mostrar serviço.






10 comentários:

  1. Olá, tudo bem?
    Convidamos você para dar uma olhada no Guia da Libertadores 2012 no nosso blog.
    Grande Abraço.

    futebolmundodabola.blogspot.com

    ResponderEliminar
  2. Ola cara muito bom o blog, ams não faço troca de links não ok, em parceria aqui diz o porque..Forte abraço
    Trabalho sozinho no meu blog, uso wordpress. Brigado. tamos aí.

    ResponderEliminar
  3. David tudo bem?

    Obrigado pelo comentário, tem aqui também um belo espaço.

    Já adicionamos o seu link, esperamos que faça o mesmo com o nossohttp://www.zonadesportiva.blogspot.com/ .

    Um abraço

    ResponderEliminar
  4. Nos Do Blog Tudo Sobre Futebol Ja Adicionaos Seu Link So Falta Você Obrigado Pelo Seu Comentario.

    Blog:Tudo Sobre Futebol

    http://thiagonoticiasdefutebol.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  5. Boa noite!
    É com imensa satisfação que li seu comentário no LOUCOSPORTCLUB.blogspot.com.
    Mas informo que não trabalho com parcerias por link ainda.
    Caso queira firmar parceria, elabore um banner no tamanho 180x60 e me informe.
    Espero seu retorno!
    Grato!

    ResponderEliminar
  6. Olá, meu nome é Lucas do Blog De Bate e Pronto e recentemente recebemos um pedido de parceria. Bom eu só quero informa e dizer que nos aceitamos a parceria e seu link já está adicionado! Ah já estou te seguindo.

    Email: Lucasfsouza41@hotmail.com
    Blog: http://debateepronto.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  7. Já esta feito
    Seu banner está no meu blog.
    Aguardo o meu link no Seu
    Obrigado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O seu link já está nos meu blog, mas não vi o meu banner e nem meu link nas sua lista. Também já adicionei o seu link no meu outro blog que tinha o pedido( Dois Toques Paredão )

      Email: Lucasfsouza41@hotmail.com
      Blog: http://debateepronto.blogspot.com/
      http://doistoquesparedao.blogspot.com/

      Eliminar
  8. Olá David sou Pedro do blog "FUTEEURO", aceito SIM o seu pedido de parceria...mas não achei seu BANNER...onde está? O meu está na pagina inicial...poste um comentário no meu blog respondendo onde está seu banner...obrigado..e ai sim a parceria será efetuada.

    ResponderEliminar
  9. Olha..já que voce não tem BANNER...então adicione meu banner ou link que eu adicionarei seu LINK...está bem? Poste outro comentário no meu bog respondendo.

    ResponderEliminar