segunda-feira, 3 de abril de 2017

WWE | Wrestlemania 33

Goldberg, Randy Orton, Naomi, Hardys e Kevin Owens novos campeões; Undertaker despede-se após derrota às mãos de Roman Reigns



Data: 2 de abril de 2017
Arena: Citrus Bowl
Localidade: Orlando, Flórida



Shane McMahon vs. AJ Styles
AJ Styles começou por levar Shane McMahon à escola, mas este soube responder à altura. Ainda assim, o Phenomenal One esteve no comando das operações durante boa parte do tempo.
Quando AJ se preparava para vencer via 450 Splash, Shane intercetou-o com um Triangle Choke, mas AJ conseguiu reverter para um Styles Clash. No entanto, Shane evitou que o pin fall chegasse ao fim.
A dada altura, AJ tentou pontapear Shane, mas acabou por acertar no árbitro, deixando-o KO. Assim sendo, sem alguém que pudesse ditar as regras, AJ introduziu um caixote do lixo em ringue, tentou o Coast-to-Coast, mas acabou por ser atingido pelo caixote, arremessado por Shane, que logo a seguir aplicou ele mesmo o Coast-to-Coast. Apesar do impacto, não passou da near fall.
Shane voou novamente a partir da corda superior, desta feita para fora do ringue, mas AJ desviou-se e Shane acabou por embater numa mesa de comentadores. AJ levou Shane para o ringue, tentou aplicar-lhe o Flying Forearm, mas acabou por sofrer um DDT. Shane voltou a subir à corda superior, tentou o Shooting Star Press, mas falhou alvo. Aproveitou AJ, que finalmente lá acertou com o Flying Forearm e conquistou o triunfo.
Vencedor: AJ Styles
Nota: 8,5/10


WWE United States Championship:
Chris Jericho (c) vs. Kevin Owens
Desde bem cedo que Kevin Owens fez valer a sua superioridade no plano físico, fazendo vários estragos em Chris Jericho através da sua força bruta. Y2J, contudo, foi respondendo aqui e ali.
Ambos protagonizaram boas sequências, nomeadamente uma em que foram bloqueando com os joelhos os voos do adversário a partir da corda superior. Owens até chegou a aplicar o Walls Of Jericho, mas Y2J encontrou argumentos para sair da submissão.
A vitória parecia certa para Owens quando este executou o Pop-Up Powerbomb, mas Jericho safou-se. Jericho também esteve muito perto de vencer após um Codebreaker, mas KO chegou às cordas com um dedo, e logo depois aplicou um Powerbomb em Y2J na borda do ringue, levou o adversário de volta para o ringue e conseguiu o pin fall vitorioso.
Vencedor: Kevin Owens (novo campeão)
Nota: 7/10


Fatal 4-Way Elimination match pelo WWE Raw Women's Championship:
Bayley (c) vs. Charlotte Flair vs. Sasha Banks vs. Nia Jax
Mesmo frente a três adversárias que juntaram forças, Nia Jax foi absolutamente dominadora nos instantes iniciais da contenda. Só depois de algum tempo e muito esforço, é que a possante lutadora foi derrubada. E foi preciso um triple team para a eliminar.
Já em formato triple threat match, Charlotte proporcionou um grande momento ao executar um Corkscrew Moonsault para cima de Sasha e Bayley, que estavam fora do ringue. A filha de Ric Flair também acabaria por eliminar Sasha, após esta ter embatido com a cabeça num dos cantos.
Já em modo duelo, entre Bayley e Charlotte, a candidata ao título tentou fazer com que a campeã desistisse via Figure Eight, mas esta chegou às cordas e quebrou a submissão. A dada altura, Bayley aplicou um Back Body Drop do topo de um dos cantos e subiu ao terceiro andar para aterrar no peito de Charlotte com um Macho Man Elbow vitorioso.
Vencedora: Bayley
Nota: 6/10


Fatal 4-Way Ladder match pelos WWE Raw Tag Team Championship:
Luke Gallows & Karl Anderson (c) vs. Enzo Amore & Big Cass vs. Cesaro & Sheamus vs. The Hardy Boyz (Matt e Jeff Hardy)
Enorme euforia após o anúncio de que os Hardys fariam parte do combate, com os fãs ao rubro, a vibrarem com cada golpe dos veteranos irmãos.
Após alguns pequenos spots, Matt Hardy começou a partir a loiça toda com um Twist Of Fate do topo do escadote em Karl Anderson. Seguiu-se um Swanton Bomb de Jeff do cimo de um escadote para cima de outro onde estava Cesaro. Depois, coube a Matt capturar os cintos.
Vencedores: The Hardy Boyz (Matt e Jeff Hardy)
Nota: 8/10


John Cena & Nikki Bella vs. The Miz & Maryse
The Miz começou por tentar fazer do combate um concurso de popularidade, ao mesmo tempo que mantinha Cena no chão e o procurava tirar do sério através de mind games.
Curiosamente, Cena e Nikki deram a volta ao texto após o tag de Cena em Nikki, tendo ambos executado o Attitude Adjustment para a vitória. No final da contenda, Cena pediu Nikki em casamento.
Vencedores: John Cena & Nikki Bella
Nota: 4,5/10


Non-Sanctioned match:
Seth Rollins vs. Triple H
O que seria da Wrestlemania sem mais uma entrada bastante vistosa de Triple H? Desta vez, o The Game chegou ao ringue a conduzir uma Moto 4, na companhia da esposa, Stephanie McMahon.
No que concerne ao duelo, foi um autêntico grudge match, uma rixa, na qual só importava magoar o adversário. Triple H não se fez rogado, a dada altura pegou numa cadeira e com ela atingiu o joelho esquerdo de Rollins.
Após muito ter trabalhado no joelho de Rollins, o The Game acabou por colher frutos, uma vez que o ex-Shield passou a sentir dificuldades para executar golpes. Mesmo lesionado, o Architect encontrou forças para voar e causar danos em Triple H, mas em quase todas as investidas foi agravando a sua lesão.
Quando Rollins se preparava para arrumar HHH com uma marretada, Stephanie tirou a marreta a Rollins, e HHH aproveitou a distração para aplicar o Pedigree. Ainda assim, não passou da near fall.
Depois de várias tentativas de parte a parte, Rollins aplicou um Superkick em Triple H e este foi embater em Stephanie, que estava na borda do ringue e acabou por cair numa mesa. Tal acabou por distrair o The Game, que quando se virou para trás foi ao encontro de um Pedigree, move que tantas vitórias lhe deu, mas que ali lhe ditou a derrota.
Vencedor: Seth Rollins
Nota: 7,5/10


WWE Championship:
Bray Wyatt (c) vs. Randy Orton
Combate no qual ambos mostraram que não trabalham à hora, uma vez que procuraram os finishers desde o começo. Quando já estavam decorridos cerca de seis minutos, Bray Wyatt conseguiu aplicar o Sister Abigail, mas fora do ringue, contra a barreira de proteção. Randy Orton respondeu praticamente no minuto seguinte, com um RKO também fora do ringue.
Quando Orton se preparava para novo RKO, acabou por sofrer o Sister Abigail no meio do squared circle, mas conseguiu levantar a omoplata antes que o assentamento tivesse chegado ao fim. E quando Wyatt se preparava para novo Sister Abigail, Orton respondeu com o RKO, mas com mais eficácia, uma vez que o golpe lhe deu o título.
Vencedor: Randy Orton (novo campeão)
Nota: 5/10


WWE Universal Championship:
Goldberg (c) vs. Brock Lesnar
Goldberg começou por visitar a Suplex City, mas depressa se levantou e executou três Spears em Lesnar, o último dos quais a fazer atravessar o Beast pela barreira de proteção entre a zona adjacente ao ringue e a plateia.
De regresso ao ringue, Lesnar tentou o F-5, mas caiu num quarto Spear e no Jackhammer. Paul Heyman já tapava os olhos, mas Lesnar conseguiu safar-se no pin fall.
Goldberg procurou novo Spear, mas foi com a cabeça de encontro a um canto e acabou por voltar à Suplex City. Após dez German Suplexes, Lesnar sentenciou o combate com um F-5.
Um combate de PlayStation, algo fora do normal, mas que fez os fãs vibrar.
Vencedor: Brock Lesnar (novo campeão)
Nota: 7,5/10


WWE SmackDown Women's Championship:
Alexa Bliss (c) vs. Becky Lynch vs. Natalya vs. Mickie James vs. Carmella vs. Naomi
Combate feminino com menos qualidade, duração e estória que o do Raw. Naomi levou a melhor, após fazer a campeã desistir.
Vencedora: Naomi (nova campeã)
Nota: 4/10


No Holds Barred match:
The Undertaker vs. Roman Reigns
Confronto entre lutadores de duas gerações. Apesar do fulgor já não ser o de outros tempos, Undertaker começou por levar Roman Reigns à escola, dando uma lição de como controlar as operações, mostrando um calculismo incrível.
Contudo, o Deadman acabou por acusar algum excesso de confiança num momento em que se preparava para projetar Reigns numa mesa de comentadores, sofrendo um Spear que o fez atravessar uma mesa.
A partir desse momento, Reigns ganhou vantagem, mas cometeu um erro ao colocar-se na posição ideal para sofrer um Last Ride, golpe que viria mesmo a sofrer.
Após algum tempo nas mãos de Undertaker, Reigns surpreendeu o Phenom com dois Superman Punches, mas ao tentar o terceiro acabou por ser intercetado por um Chokeslam. Depois do Chokeslam, veio o Tombstone Piledriver, mas não passou da near fall.
Reigns recuperou, aplicou mais um Superman Punch e um Spear, mas viria a cair num Hell’s Gate, do qual conseguiu sair sem desistir. Depois disso, desatou às cadeiradas nas costas de Undertaker e executou novo Spear, mas mais uma vez sem alcançar o triunfo. Seguiu-se novo Spear, e nova near fall.
Frustrado, Roman Reigns executou mais um Superman Punch, mas nem sequer tentou o pin fall. Undertaker ainda esboçou reação, mas depois de um quinto Spear já não teve forças para levantar as omoplatas.
Combate cuja principal novidade foi o resultado, porque esteve recheado de sequências previsíveis, já vistas e revistas em combates anteriores de Undertaker em Wrestlemanias: O Last Ride após os socos no canto, a tentativa do adversário reverter um Tombstone num Tombstone, o Hell’s Gate quando o oponente procurava o pin fall
Vencedor: Roman Reigns
Nota: 6,5/10



Sem comentários:

Enviar um comentário