quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Pré-Época | Benfica 1-1 Juventus


Esta tarde, no Stade de Genève, Benfica e Juventus empataram a um, em mais um jogo de pré-época. Cardozo e Krasic marcaram os golos do encontro.



Eis a constituição das equipas:

Benfica



Este será o oitavo jogo de pré-temporada dos encarnados, depois de vitórias sobre Marselha (2-0), RM Hamm (3-0), Slask Wroclaw (4-2), Real Madrid (5-2) e Gil Vicente (5-2), empate frente ao Lille (0-0) e derrota diante do PSV (1-3).


Juventus



A “Vecchia Signora” é a atual campeã italiana, terminando o campeonato sem derrotas, e ainda chegando à final da Taça de Itália. Em 2012/2013, está de regresso à Liga dos Campeões.
Nesta pré-época, apenas ainda fez dois jogos, ambos inseridos no Trofeo Tim, tendo somado uma vitória frente ao Milan (1-0) e uma derrota diante do Inter (0-1).
Os principais reforços para esta temporada são Paul Pogba (ex-Manchester United), Lúcio (ex-Inter), Kwadwo Asamoah e Mauricio Isla (ambos ex-Udinese), e Giovinco (ex-Parma).
Lúcio, Barzagli e Chiellini são as ausências para este jogo.


5’ Gaitán, lesionado, cedeu o seu lugar a Bruno César.

16’ O “chuta-chuta” obrigou Buffon a defesa incompleta.

O início de jogo estava a ser bastante equilibrado.

31’ Giaccherini substituiu Marchisio, que apresentava queixas físicas.

Fazendo jus à fama defensiva do futebol italiano, a Juventus povoava o seu meio-campo com muitas unidades, impedindo que o Benfica se aproximasse muito da sua baliza, no entanto, atacava com poucos homens, e por isso, o jogo não estava a ter ocasiões de golo e estava fechado.

Ao intervalo, Antonio Conte trocou Buffon por Storari.
Já Jorge Jesus colocou Cardozo em campo, para o lugar de Michel.

48’ Maxi Pereira derrubou Matri na área foi assinalada uma grande penalidade, na qual o próprio Matri não conseguiu bater Artur.

52’ Na sequência de um canto, Cardozo cabeceou para defesa de Storari.

56’ Carlos Martins e Enzo Pérez foram substituídos por Nolito e Rodrigo Mora.
Bruno César passou para o lado direito.

Saiu Matri, entrou Quagliarella.

63’ Giovinco, de fora da área, rematou com perigo, por cima.

65’ Masi rendeu Marrone.

66’ Rodrigo Mora furou pela defesa contrária, colocou-se em boa posição e atirou para intervenção apertada de Storari.

Bruno César cedeu o seu lugar a Ola John.

73’ Kwadwo Asamoah e Giovinco foram rendidos por Ziegler e Krasic.

77’ Pirlo, de livre directo, esteve perto de marcar. Saiu ligeiramente ao lado.

78’ Luisinho entrou para o lugar de Melgarejo.
Paul Pogba substituiu Pirlo.

82’ Nova alteração nos “bianconeros”, Pazienza e Untersee por Vidal e Padoin.

O ritmo de jogo diminuiu claramente com as substituições.

88’ Luisinho cruzou pela esquerda de pé direito para o segundo poste, onde Cardozo fugiu à marcação de Masi e cabeceou para o fundo das redes.


90+2’ Na sequência de um cruzamento de Untersee pela direita, depois de roubar a bola a Luisinho, Krasic desviou para dentro da baliza contrária, igualando a partida.


Sem mais ocorrências até final, confirmou-se o empate.
O jogo foi sempre muito fechado, com a Juventus a apresentar-se num sistema de 3x5x2, com três centrais, dois laterais que faziam todo o corredor mas que não se expuseram muito aos erros, e na zona central, Pirlo, à frente da defesa, e um pouco mais adiantados, Vidal e Marchisio, povoaram esse espaço do terreno, dificultando a progressão dos atletas encarnados, a que escasseavam soluções para chegar à área adversária.
Como a “vecchia signora” também não atacava com muitas unidades, não existiram praticamente situações de perigo para ambos os lados no primeiro tempo.
A segunda parte até teve um início prometedor, com uma grande penalidade falhada por Matri e logo a seguir, Cardozo de cabeça obrigou Storari a aplicar-se, no entanto, fruto do reencaixe das equipas e das substituições que retiraram ritmo à partida, teve de se esperar pelos últimos minutos para se ver oportunidades e… golos. Primeiro, para o Benfica, através de um cabeceamento de “Takuara”, e pouco depois, por Krasic, no último lance da partida.

Analisando os atletas em campo, começando pelos do Benfica…
Artur defendeu o “penalty”;
Maxi Pereira cometeu a grande penalidade; Garay e Luisão não deram muitas hipóteses; e Melgarejo não teve grandes problemas a defender desta vez;
Javi García foi uma presença forte à frente da defesa; Witsel sentiu dificuldades para fazer a bola chegar aos homens da frente; e Carlos Martins tentou dar dinâmica ao sector ofensivo;
Gaitán saiu muito cedo no jogo, lesionado; Enzo Pérez mostrou não ser regular, não confirmando o valor demonstrado frente ao Real Madrid; e Michel esteve apagado;
Luisinho fez a assistência para o golo mas perdeu a bola no lance do tento da Juve; Bruno César fez jus à sua alcunha de “chuta-chuta”; Rodrigo Mora mostrou bons pormenores; Cardozo facturou e mostrou-se forte pelo ar; e Ola John e Nolito não mostraram muito nesta partida.

Quanto aos jogadores da Juventus…
Buffon não teve muito trabalho;
Marrone não comprometeu na adaptação ao centro da defesa; Padoin e Bonucci também não estiveram mal;
Lichtsteiner e Asamoah fecharam bem os flancos, com o ganês a mostrar-se mais ofensivo; Pirlo evidenciou mais uma vez a sua qualidade de passe, ocupando a zona central do meio-campo juntamente com Vidal e Marchisio (saiu lesionado);
Giovinco foi “chatinho”, sempre muito veloz; e Matri apareceu algumas vezes em fora-de-jogo e ainda falhou um “penalty”.
Quanto aos suplentes utilizados: Quagliarella incomodou a defesa contrária; Untersee fez a assistência para o golo de Krasic; Masi não acompanhou Cardozo no golo dos encarnados; e no que concerne aos restantes jogadores, pouco há a acrescentar.

2 comentários:

  1. Ayant trouvé votre site fort interressant je désirerais faire un échange de lien entre nos deux sites qui est
    http://bbkdsport.e-monsite.com
    Titre:bbkdsport tous le sport en direct
    ainsi que mon blog
    http://bbkdsport.over-blog.fr.
    Titre:Le blog sportif de bbkdsport
    ou bien en les ajoutant dans votre annuaire
    En vous remerciant par avance
    cordialement

    ResponderEliminar
  2. creo que el benfica puede hacer algo grane la siguiente campaña. se que un partido no lo dice todo, pero lo que vi en el real madrid - benfica fue muy bueno. un saludo desde www.fulltimedeportes.com!

    ResponderEliminar