quarta-feira, 9 de maio de 2012

Liga Europa | Atlético Madrid 3-0 Athletic Bilbao


Esta noite, na Arena de Bucareste, o Atlético Madrid conquistou a Liga Europa ao vencer o Athletic Bilbao por 3-0 na final. Falcao (2) e Diego marcaram os golos.



Eis a constituição das equipas:

Atlético Madrid



Nesta Liga Europa, o Atlético já deixou pelo caminho o Stromsgodset, Vitória de Guimarães, Celtic, Rennes, Udinese, Lazio, Besiktas, Hannover 96 e Valência.
Tiago viu o cartão vermelho na meia-final diante da equipa “che”, e por isso falha o encontro decisivo, tal como Sílvio, lesionado.
Falcao, que o ano passado conquistou a prova pelo FC Porto, pode repetir a façanha este ano.
Elias, que esta temporada já actuou pelos “colchoneros” na Liga Europa, poderá também vencer a competição.


Athletic Bilbao



Até chegar à final de Bucareste, os bascos cruzaram-se com Trabzonspor, Slovan Bratislava, Red Bull Salzburgo, Paris SG, Lokomotiv Moscovo, Manchester United, Schalke 04 e Sporting.


7’ Diego serviu Falcao que entrou na área, driblou Aurtenetxe e atirou para o fundo das redes.


O Atlético Madrid estava melhor na partida, povoava de forma frequente o meio-campo contrário e já estava em vantagem.

19’ Ander Herrera, descaído pela direita, cruzou para o primeiro poste onde Llorente desviou para fora.

24’ Muniain do meio da rua obrigou Courtois a defesa apertada.

34’ Após uma recuperação perto da área do Athletic, o esférico sobrou para Arda Turan que serviu Falcao, e o colombiano trocou as voltas a Aurtenetxe e também a Amorebieta e rematou para o 2-0.


Ao intervalo, Iñigo Pérez e Ibai Gómez renderam Aurtenetxe e Iturraspe, tendo Óscar De Marcos recuado para lateral-esquerdo.

51’ Diego ganhou espaço nas costas de Iñigo Pérez atirou à malha lateral.

59’ Iñigo Pérez de livre directo obrigou Courtois a esticar-se e a sacudir para canto.

63’ Ander Herrera deu lugar a Toquero.

70’ Ibai Gómez, num pontapé de ressaca, na sequência a um alívio de Miranda, rematou por cima.

73’ Novamente Ibai Gómez em destaque, retirando Juanfran e Miranda do seu caminho pela esquerda, e depois viu uma defesa do guardião “colchonero” a negar-lhe o golo.

76’ Susaeta chutou do meio da rua e o esférico ainda desviou em Mário Suárez, quase traindo Courtois.

79’ O guarda-redes belga do Atlético voltou a negar o tento de honra dos bascos, desta feita a Susaeta.

80’ Falcao voltou a fazer das suas no último terço do terreno, deixando para trás Javi Martínez e Amorebieta, concluindo o lance com um remate ao poste.

85’ Diego recebeu a bola na zona central a meio do meio-campo contrário e progrediu para a área, ficando pelo caminho Toquero e Amorebieta, e depois, atirou de pé esquerdo para mais um golo dos “rojiblancos”.


88’ Diego Simeone trocou Adrián López por Salvio.

90’ Diego cedeu o seu lugar a Koke.

90+2’ Ibai Gómez, de longe, acertou na trave.

90+3’ Arda Turan foi substituído por Álvaro Domínguez.

Afastado da glória a nível interno, o Atlético Madrid voltou a dar cartas internacionalmente, conquistando a Liga Europa pela segunda vez em três temporadas.
Os “colchoneros” dominaram do início ao fim do encontro, marcaram nos primeiros dez minutos, viram o Athletic aproximar-se um pouco da sua baliza, mas Falcao voltou a “inventar” um golo e fez o 2-0.
No segundo tempo, Marcelo Bielsa efectuou uma dupla alteração, abdicando de um lateral-esquerdo e do seu trinco, colocando atletas de cariz mais ofensivo, e realmente, os bascos foram atrás do prejuízo, ainda sem realizar um grande “forcing”, no entanto, a esperança foi-se perdendo e já na recta final, Diego coroou uma grande exibição com o golo que colocou em 3-0 o resultado deste encontro decisivo.

Analisando os atletas em campo, começando pelos do Atlético…
Courtois (19 anos) foi muito seguro e promete dar que falar, Juanfran ainda teve algumas dores de cabeça com Muniain e Ibai Gómez pela frente, Miranda e Godín formaram uma dupla muito sólida, e Filipe Luís não teve grandes dificuldades perante o desinspirado Susaeta.
Gabi e Mário Suárez exibiram capacidade de recuperação de bola a meio-campo e de passe rápido assim que o esférico estava na sua posse, especialmente o segundo.
Adrián López apareceu muitas vezes na posição de ponta-de-lança, ainda que actuando no lado direito do ataque, sem grande evidência mas a bom nível, Diego fez uma exibição fantástica, sempre de cabeça levantada e colocando a bola maioritariamente onde pretendia, e Arda Turan fez a assistência para o 2-0.
Falcao voltou a marcar na final da Liga Europa, desta vez por duas vezes, inventando praticamente os dois golos, mostrando qualidade para voos maiores.
Salvio e Koke tiveram o direito a alguns minutos, também para queimar tempo.

Quanto aos jogadores do Athletic Bilbao…
Iraizoz esteve isento de culpas nos golos, Iraola foi dos que esteve menos mal na defesa, Javi Martínez nem sempre teve capacidade para acompanhar os movimentos de Diego e Falcao, e Amorebieta e Aurtenetxe tiveram noites para esquecer, com intervenções directas nos tentos “colchoneros”.
Iturraspe teve a vida negra com Diego pela frente, Herrera e De Marcos como médios interiores não deram muito ritmo, com este último a terminar como lateral-esquerdo.
Muniain ainda deu um ar de sua graça mas sem brilho, e Susaeta e Llorente estiveram apagados.
Iñigo Pérez e Ibai Gómez mexeram com a equipa e ainda foram das suas melhores unidades, Toquero não resolveu nada.

3 comentários:

  1. Já coloquei o vosso link no meu blog.
    Obrigado pelo LinkWithin, é boa ideia, não conhecia.
    Coloquei à vossa disposição o código para colocar o like box do facebook em fundo branco, siga este link:
    http://omaiordasilhas.blogs.sapo.pt/56457.html

    ResponderEliminar
  2. Já coloquei o vosso link no meu blog.
    Obrigado pelo LinkWithin, é boa ideia, não conhecia.
    Coloquei à vossa disposição o código para colocar o like box do facebook em fundo branco, siga este link:
    http://omaiordasilhas.blogs.sapo.pt/56457.html

    ResponderEliminar
  3. She is likely a WARRIOR PERSONALITY I talk about in the KWML Mastery Course on women, dating, love, and friendship.
    While having a passion for playing games is important, getting a rewarding career in game design will require students
    to be a cut above the competition. People are now looking to be able
    to connect to things like their vehicles through their smart phones, and now Buick has announced the release
    of their new e - Assist Fuel Effeciency smartphone games.


    My site - mouse click the next article - www.pyconuk.net

    ResponderEliminar