domingo, 24 de julho de 2011

Pré-Época | Sporting 2-1 Juventus



Na última madrugada o Sporting fez mais um jogo de preparação para a nova época, desta vez frente a um colosso italiano, que no entanto já viveu melhores dias, a Juventus.

O Sporting entrou no jogo com o seguinte onze: Rui Patrício; João Pereira, Onyewu, Daniel Carriço e Evaldo; Rinaudo e Schaars; Yannick Djaló e Bruno Pereirinha; Hélder Postiga e Wolfswinkel.

A primeira parte não foi desequilibrada nem nada que se parecesse, foi calma, ao ritmo habitual de pré-época, no entanto, os leões tiveram sempre o ascendente, apresentado elevada posse de bola, com valores na ordem dos 65%, e conseguindo marcar dois golos, por intermédio de Yannick Djaló.

O primeiro surgiu através de um pontapé de canto aos 13 minutos (uma bola parada que nos últimos anos o Sporting teve sempre grande dificuldade em transformar em golo), com Onyewu a subir ao primeiro andar e a cabecear a bola para Djaló que encostou para dentro da baliza.

Depois, Schaars, certamente inspirado por João Moutinho, quase que marcava de canto directo, mas a bola acertou no poste.

O segundo golo surgiu de um remate de Yannick Djaló de fora da área, uma bomba de pé esquerdo, indefensável para Buffon, à passagem dos 36 minutos.

De resto, pouco a assinalar em termos de oportunidades, tanto para um lado como para outro.

Na segunda parte, o Sporting só mudou inicialmente o guarda-redes, mas acabou por fazer bastantes alterações, com as entradas de Ilori, Polga, João Gonçalves, André Santos, André Martins, Rubio e Bojinov, no entanto, na segunda metade não criou grandes oportunidades e foi apenas gerindo a vantagem, vantagem essa que foi encurtada por Del Piero, num belo chapéu a Marcelo, deixando o resultado final em 2-1 para os leões.

Devo dizer que gostei bastante das exibições de Onyewu e Rinaudo, que vêem acrescentar algo à equipa, Schaars é bom mas não se nota muito de mais, Wolfswinkel é muito posicional e não teve oportunidades, Marcelo esteve seguro e não tive tempo para avaliar quem entrou na segunda parte.

O árbitro do jogo era péssimo, e nem nos Distritais vejo algo tão mau.

O próximo jogo do Sporting é dia 30, em Alvalade, diante do Valência, num encontro que vai servir de apresentação aos sócios.

2 comentários:

  1. Olá amigo David!
    Como sempre adoro os seus escritos. Mais um que adorei ler.
    Agora que a saúde da minha mãe retornou já me encontro em forma para dar continuidade aos capitulos lá no meu "Transpondo Barreiras". Terça-feira lá estarei com o 15º Capitulo.
    Passa um bom Domingo.
    Grande abraço.

    ResponderEliminar
  2. Tudo muito interessante por aqui,
    Gostei muito mesmo.
    E te convido para conhecer meu espaço, caso queira dar uma olhada, seguir..;

    http://www.bolgdoano.blogspot.com/

    Muito Obrigada, desde já.

    ResponderEliminar